DestaqueGoiâniaGoiásImprensaNotícias

Insônia nas diferentes idades

O nosso sono vai mudando durante a vida e isso também funciona para os transtornos como a insônia. Bebês, crianças e adolescentes precisam de mais horas de sono. Por sua vez, idosos podem dormir 50% menos horas que recém-nascidos, por exemplo. Já os adultos necessitam de apenas 1 hora a menos. Essas mudanças são naturais, mas problemas com sono sempre devem ser motivo de atenção e compreendidos com as peculiaridades de cada idade.

Nas crianças, insônia geralmente ocorre por hábitos inadequados próximo ao horário de deitar-se, que chamamos de Insônia Comportamental. Também pode estar associada a algumas doenças comuns como Alergia, Refluxo e problemas respiratórios como a Asma. Uma forma dos pais ajudarem o profissional especialista em medicina do sono a compreender todos os fatores envolvidos no aparecimento da insônia, é preencher o diário do sono, contendo anotações da rotina da criança. Horário que vai para cama, que pega no sono, quantas vezes acorda durante a noite, que horas acorda e que levanta pela manhã, se dorme durante o dia e quantas horas.

Nos adultos, o Transtorno de Insônia é o distúrbio do sono mais comum. Existe um hiperalerta nas pessoas com dificuldade em dormir, ou seja, um excesso de vigília 24 horas por dia, que acaba dificultando o relaxamento natural. É muito comum que Transtornos do Humor, como Ansiedade e Depressão estejam associados à insônia, além de hábitos inadequados próximo ao horário de dormir que acabam perpetuando o problema.

Mudanças de atitudes ajudam muito a mudar esse quadro, como horários regulares de deitar e levantar, pratica de atividade física pela manhã, evitar consumo de bebidas cafeínadas, assim como uso de álcool e tabaco no período noturno e exposição excessiva à luminosidade da TV, celular, computador, tablet, próximo ao período de deitar. O sono é regulado por um ritmo circadiano e é induzido pelo hormônio do sono, chamado de melatonina, que apenas é libertado à noite e na ausência de luz.

Associado a isso, o acúmulo de uma substância chamada adenosina ao longo do dia, aumenta a propensão para o sono noturno. Para os idosos que têm uma rotina menos ativa, isso pode ser um problema, além das mudanças fisiológicas que vêm com o envelhecimento. É importante ressaltar que idosos normalmente precisam de menos horas de sono e têm a tendência a dormir e acordar mais cedo.

O médico especialista em medicina do sono é capaz de avaliar as peculiaridades do sono em cada faixa etária, para diagnosticar e tratar adequadamente o Transtorno de Insônia.

Mostrar mais

IES - Instituto de Especialidades e Sono

Com 17 anos de tradição e excelência, o Instituto de Especialidades e Sono (IES), é referência no diagnóstico e tratamento das Doenças do Sono. A clínica possui equipe multidisciplinar, com larga experiência na área e modernos equipamentos além de uma estrutura ampla, com suítes climatizadas e cama box de casal para proporcionar maior conforto durante a noite de sono, na avaliação dos diversos Distúrbios do Sono. O IES está localizado no Setor Bueno, região nobre de Goiânia proporcionando comodidade, conforto e segurança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo